UFCD 3061 Fatores Edafo-climáticos

25 horas

No nosso país existe ainda uma grande carência ao nível da educação, formação e qualificação da população ativa em geral, pelo que esta formação ajuda a colmatar carências formativas em áreas importantes da geografia em Portugal.

Profissionais que, pretendam aperfeiçoar/atualizar conhecimentos nesta área de formação.

Descrever as características e as exigências edafo-climáticas das plantas ornamentais mais utilizadas.

  • Identificar os principais fatores climáticos
  • Reconhecer a especificidade da influência do clima/microclima no crescimento das plantas
  • Conhecer o papel funcional das diferentes estações do ano
  • Reconhecer as exigências climáticas das plantas
  • Entender a importância dos acidentes climatéricos/meios de prevenção e defesa
  • Analisar as características das plantas companheira
  • Entender os principais conceitos do relevo/erosão

A Avaliação das aprendizagens assumirá três tipos, a saber:

Avaliação Diagnóstica – constitui uma forma privilegiada de identificar os conhecimentos e aptidões que os formandos possuem antes de iniciarem novas aprendizagens. Da mesma forma, é utilizada para se conhecerem as suas expectativas, as suas necessidades e as suas preferências. Como instrumento privilegiado será utilizada a ficha de avaliação diagnóstica num momento inicial da formação.

Avaliação formativa – decorrerá do processo de formação e não exclusivamente dos resultados, permitindo também o conhecimento da progressão na aprendizagem e constituindo o ponto de partida para a (re)definição de estratégias de aprofundamento de conhecimentos e competências. Neste processo serão privilegiados aspetos como a pontualidade e assiduidade, a atenção e participação, o empenho e a dinâmica envolvidos nas tarefas, avaliados através da observação participativa e da análise qualitativa das tarefas realizadas em cada uma das sessões. De forma a tornar o processo mais coerente e revelador, será utilizado como instrumento o portfólio de atividades individual, onde serão concentrados vários comprovativos dos conhecimentos e das competências adquiridas ao longo da formação, selecionados e incluídos ao critério dos formandos (e.g., textos fornecidos durante a formação ou recolhidos pelos formandos, trabalhos realizados nas sessões ou fora delas, entre outros).

Avaliação sumativa – ocorrerá enquanto síntese e consequência dos momentos e instrumentos utilizados em cada processo de avaliação, estando na base das decisões de aproveitamento em cada um/a, no que se incluem as provas de avaliação e os trabalhos realizados.

A avaliação das aprendizagens é realizada ao longo da formação, de acordo com as metodologias de avaliação e indicadores (comportamentais e técnicos) que a equipa formativa identifica como sendo os necessários para avaliar a prestação de cada formando(a). A avaliação das aprendizagens define-se por critérios quantitativos, de acordo com uma escala numérica 0-100.

A avaliação final da formação tem por base os seguintes critérios: 60% para a avaliação das competências desenvolvidas pelos formandos (através de um exercício de avaliação realizado em momento próprio) e 40% para a assiduidade.

O processo de avaliação da formação é desenvolvido pela entidade formadora, ficando à sua responsabilidade o desenvolvimento dos procedimentos necessários nesse sentido. 

  • Factores climáticos
    • Luz
      • Temperatura
        • Humidade
          • Vento
          • Influência do clima/microclima no crescimento das plantas
            • Influência da temperatura no ciclo vegetativo
              • Regime de chuvas
                • Exposição do terreno
                  • Protecção do terreno
                    • Protecção contra o vento
                    • Aparelhos de medida
                      • Termómetro
                        • Higrómetro
                          • Fotómetro
                            • Tina de evaporação
                            • Estações do ano
                              • Exigências climáticas das plantas
                                • Acidentes climatéricos/meios de prevenção e defesa
                                  • Noções de Ecologia
                                    • Noção de habitat
                                      • Equilíbrio ambiental. Como conservá-lo
                                        • Ecossistema agrário. Utilizações práticas do seu reconhecimento
                                        • Plantas companheiras
                                          • Factores edáficos
                                            • Noção de solo agrícola
                                              • Definição
                                                • Perfil pedológico
                                                  • Tipos de solo
                                                    • Factores que influenciam a produtividade do solo
                                                      • Características de um bom solo agrícola
                                                        • Como melhorar e manter a estrutura de um solo
                                                          • A água no solo
                                                        • Relevo/erosão

                                                        Gostaria de fazer uma pré-inscrição na Formação UFCD 3061 Fatores Edafo-climáticos.